terça-feira, maio 26, 2009

Invisual 28.2 || RÁDIO ZERO

Esta Quarta, às 20h vai para o "ar-virtual", cortesia da famosa Rádio Zero, a 28ª emissão da "segunda temporada" do Invisual, um programa que pretende divulgar as promíscuas relações entre a banda desenhada e a música. Produzido por Marcos Farrajota, neste programa ouviremos as habituais pérolas e novidades ligadas à bd e à música, e Filipe Abranches será o convidado especial que trará as suas preferências musicais. Autor de bd, ilustrador e realizador de filmes de animação, este ano viu o livro História de Lisboa a ser editado em Itália, e a primeira curta de animação a ser projectada no grande écran.
... É repetido no Sábado. Playlist: Whitehouse, Mr. Marcaille,... Podcast aqui depois da emissão.

terça-feira, maio 05, 2009

Pássaros - Prémio no IndieLisboa 2009



Prémio RESTART para Melhor Realizador Português de Curta-metragem
Pássaros, de Filipe Abranches, Animação, Portugal, 2009, 6', HD

Prémios IndieLisboa 2009

São dois anos de trabalho recompensado embora o tempo não seja desculpa. Acontece que o feedback geral ao filme foi sempre muito positivo, tecnicamente, artisticamente e a nível da narrativa. Não esperava prémios, mas algo me inquietava, quando soou o anúncio no S. Jorge e tive que atravessar toda a profundidade das plateias subir ao palco e dizer alguma coisa apropriada. Não consegui, nem agradecer aos outros, apenas que foi muito trabalho, tempo e que não fiz um filme de animação mas um filme... sempre a pensar no cinema. Poderá ser esta a receita? Aproveito este espaço público para agora agradecer a todos os que intervieram no filme, logo à Animanostra e a sua equipa técnica, à Joana que me ajudou nas artes finais num momento difícil do filme, aos amigos que me aconselharam ou mesmo aos que não me conseguiram demover de opções e propósitos iniciais. Obrigado



Vasco granja - 1925 - 2009, koniec ...



Koniec, "fim" em polaco, era a palavra que eu e meus os irmãos ansiávamos no programa de animação do Vasco Granja. Apenas ela aparecia no cartão de fim do filme para gritarmos - koniec!
Acho até que lhes chamávamos, a estas animações do Leste, outros tempos despreocupados para as crianças, menos despreocupados para os adultos, de "koniecs". Mas então o que faz aqui o Corto Maltese?... Numa das reuniões de Sábado no clube português de banda desenhada em benfica, não me lembro da data, 198..., o Vasco Granja entrevistava o Hugo Pratt em pessoa perguntando-lhe o que ele achava dos desenhos animados do outro lado da cortina de ferro. O Pratt franzia o sobrolho, encolhia os ombros e fazia umas caretas... mas ainda assinou e distribuiu uns bonecos pelos presentes. A mim calhou-me este numa folha de rosto num Corto Maltese na Amazónia II - vodu para o sr. Presidente. Foi este episódio que escolhi em vez de colocar uma foto ou um trecho de youtube.